Finalizado o período de convenções municipais, a cidade de Capelinha já conhece as quatro chapas que concorreram ao pleito das eleições 2020, na corrida para os cargos de prefeito e vice.

Nesta matéria, o Gazeta dos Vales traz para você um pouco a biográfica de cada um deles. Acompanhem, em ordem alfabética.

Dr. Fabrício e Luiz do Café

Com 41 anos, Fabrício Costa, é médico, especializado em anestesiologia e cardiologia. Natural de Virgem da Lapa, Fabrício fez medicina na UFMG, em 2007 foi servir ao exército Brasileiro na Amazônia e em janeiro de 2010 veio para Capelinha, a convite do ex-prefeito Pedro Vieira.

Em Capelinha, Fabrício ganhou espaço e montou um centro de Especialidades médicas, o Instituto Medcenter, além de um centro de radiodiagnóstico. Filiado ao PRTB, essa é a primeira vez que Fabrício participa de uma disputa eleitoral.

Luizinho do Jequitinhonha, ou Luiz Moreira, ele é cafeicultor e empresário. Luiz já foi frentista, trabalhou em torrefação de café e, em 1997, empreendeu na abertura da indústria de Café Jequitinhonha. Apesar de nunca ter participado de nenhuma campanha eleitoral, foi sempre o desejo de Luiz em participar de uma campanha eleitoral. Luiz também é filiado e presidente do PRTB.

Miller do Hotel e José Carlos

Zé Miller é empresário e natural de Capelinha. Nasceu na comunidade do Galego e já foi motorista escolar. Atualmente Zé Miller se dedica a carreira de humorista e a um empreendimento hoteleiro em Capelinha.

José Carlos tem 41 anos, nasceu em Brasília-DF, cresceu em São José do Jacuri e há 11 anos mora em Capelinha. Com histórico de diversos políticos na famílias, José Carlos tem uma loja de roupas na cidade. Esta é a primeira vez em que José Carlos participa de uma disputa eleitoral.

Tadeuzinho e Aléquison Gomes

Tadeu Filipe Fernandes de Abreu, o Tadeuzinho, tem 34 anos e é capelinhense. Estudante de Administração Pública pela UFVJM, Tadeu foi eleito vereador em 2012 e, em 2016, foi candidato a Prefeito sendo eleito com votação expressiva. Nestas eleições, Tadeu tenta a reeleição municipal.

Aléquison Gomes Mendes. Tem 37 anos,  é formado em Ciências Sociais, História e Psicanálise e graduado em Administração Pública e Gerência em cidades. É servidor público estadual. Foi radialista cerca de 20 anos, sendo 17 na Rádio Aranãs. É servidor público na rede estadual. Com a vitória de Tadeuzinho, Aléquison assumiu a Secretaria de Administração e a comandou de 2017 até junho deste ano.  

Zezinho da Vitalina e Wilson Coelho

José Antônio Alves de Sousa, o Zezinho da Vitalina, foi vereador por 3 mandatos (2001 a 2012) e, em 2012, a convite do ex-prefeito Pedro Vieira, foi candidato a vice prefeito em Capelinha, sendo eleito com uma votação expressiva.

Com a morte do ex-prefeito em dezembro de 2012, Zezinho assumiu o cargo de Prefeito e governou Capelinha de 2013 a 2016. Em 2016 voltou às urnas como candidato a prefeito e tendo como vice a Conceição Vieira e foi derrotado pelo atual prefeito Tadeuzinho.

Wilson Carlos de Abreu, ou melhor, Wilson Coelho. Filiado ao PSDB, Wilson foi vereador por 6 mandatos, (1996 a 2020) foi secretário de administração na gestão do ex-prefeito Gelson Cordeiro e foi Secretário de Obras na gestão do ex-prefeito Pedro Vieira.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui