A Fundação Hospitalar de Capelinha está credenciada pela Secretaria de Saúde de Minas Gerais para receber tanto pacientes clínicos, quanto aqueles que necessitam de internação na UTI COVID-19 contaminados com o Coronavírus, sendo que ambos os serviços já estão disponíveis no sistema de regulação estadual de pacientes para internações hospitalares (SUS FÁCIL).

Os usuários do hospital já puderam perceber que alguns serviços prestados à população, como a coleta de exames laboratoriais e todo o corpo administrativo estão funcionando em locais improvisados, devido a reforma e ampliação do bloco cirúrgico que reduziu temporariamente a quantidade de leitos em virtude da perda de cinco apartamentos, sendo três em caráter definitivo e dois que abrigam o bloco cirúrgico temporário.

Além dessa importante reforma, o Governo do Estado de Minas Gerais suspendeu a realização das cirurgias eletivas (marcadas com antecedência), enquanto durar o estado de calamidade pública ocasionada pela pandemia conforme disposto no Parecer n° 1/SES/COES MINAS COVID-19/2020 e Deliberação n° 63 do Comitê Extraordinário COVID 19, publicada no Diário Oficial de Minas Gerais do dia 04/07/2020, pela escassez de medicamentos indispensáveis para realização de cirurgias e intubação de pacientes de síndrome respiratória aguda grave provocada pelo COVID–19 que, inclusive passaram a ser controlados semanalmente pela Secretaria de Saúde de Minas Gerais.

Por tudo isso, a Fundação Hospitalar de Capelinha está realizando apenas procedimentos cirúrgicos de urgência e/ou aqueles que se revelem indispensáveis à segurança e preservação da vida dos pacientes, esperando continuar contando com a compreensão de todos os seus usuários, especialmente daqueles que aguardam a realização de cirurgias anteriormente marcadas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui