Uma mulher de 24 anos foi assassinada na frente das filhas de 7 e 9 anos pelo vizinho que não gostou do som alto em Uberaba, no Triângulo Mineiro. De acordo com o Boletim de Ocorrência da Polícia Militar, a vítima ingeria bebida alcoólica com dois amigos quando ocorreu o assassinato, no bairro Jardim Primavera, nesse domingo (10).

Ainda segundo a polícia, as testemunhas contaram que o som da residência estava um pouco alto e que o vizinho, de 30 anos, não gostou e desligou o padrão de luz da mulher. Ela religou a energia e os dois começaram uma discussão. 

Depois disso, a vítima voltou para casa e o homem pulou o muro e invadiu a residência dela, a esfaqueou nas costas e fugiu. Uma das testemunhas disse que viu que o homem estava com a faca na mão e pediu que ele não fizesse nada contra a mulher, mas o pedido foi sem sucesso. 

Quando a Polícia Militar chegou ao local do crime, as crianças estavam desesperadas e chorando muito. Elas repetiam que a mãe estava morta. Os policiais acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Os médicos constataram o óbito no local. As crianças foram entregues ao pai delas e serão acompanhadas pelo Conselho Tutelar da cidade. 

Suspeito é ex-cunhado da vítima 

Em conversa com outras testemunhas, a polícia descobriu que o suspeito do crime é ex-cunhado da vítima, já que ela teve um relacionamento com o irmão do suspeito. Esse ex inclusive a ameaçava de morte, caso ela arrumasse um novo relacionamento. A vítima estava com outro homem a cerca de um ano.

A Polícia Militar não localizou o suspeito do esfaqueamento, nem o irmão dele, ex da vítima. A ocorrência foi encaminhada à Polícia Civil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui