Um adolescente de 13 anos matou o próprio pai para defender a mãe de agressões protagonizadas pelo homem. O crime aconteceu na madrugada desta terça-feira (19) no bairro Cintra em Montes Claros, no Norte de Minas Gerais. 

De acordo com boletim de ocorrência da Polícia Militar, a vítima, de 44 anos, saiu para consumir bebida alcoólica por volta de 19h da segunda-feira (18) e chegou em casa por volta de 0h50  embriagado.  O homem não conseguiu colocar o carro na garagem e a mulher dele, de 39 anos, pediu que ele estacionasse de forma correta.

Com isso, o suspeito ficou nervoso e começou a ofender a mulher a chamando de vagabunda, dando chutes e um tapa na cara dela. O filho do casal, o adolescente de 13 anos, presenciou as agressões. O menino disse que, para defender a mãe, foi até a cozinha e pegou uma faca. O pai partiu para cima do filho e disse: “quero ver se você é mais homem do que eu”. 

O homem ainda teria dado um soco no adolescente que revidou dando três facadas no peito do pai. O próprio suspeito das facadas ligou para o Corpo de Bombeiros para que o homem fosse socorrido.  O atendimento médico foi feito, mas o pai morreu na residência da família. A mulher e o adolescente contaram que a vítima constantemente agredia mãe e filho. 

O adolescente foi apreendido e de acordo com a Polícia Civil, ele foi autuado em flagrante por ato infracional análogo a homicídio. Ele será apresentado ao Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) e o órgão vai decidir sobre a internação e prazo do menor. “A Polícia Civil irá realizar diligências para verificar o histórico de agressão da vítima em relação à família, bem como a vida pregressa do menor antes do crime”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui