Nas andanças do portal Gazeta dos Vales, por diversos município da região, uma história nos chamou muito atenção na cidade de Veredinha. Um caso de política, mas também de humanidade, justiça e respeito.

Emancipada em 1995, há 25 anos, a cidade de Veredinha, além de seu município extenso, tem também um dos distritos da região mais desenvolvidos, populoso e de um povo acolhedor. Estamos falando do distrito de Mendonça.

Localizado à 22 km de Veredinha, o acesso ao distrito sempre foi meio conturbado, seja pela estrada com muitas pedras, por morros que em período chuvosos faz a estrada virar um “quiabo”, e por uma ponte: a famosa Ponte do Bino.

Com uma extensão considerável, a ponte sempre foi um dos problemas do município. É que a ponte de madeira não conseguia suportar o tráfego de caminhões e veículos que sempre foi intenso. E ai nem precisa explicar…

O fato é que foi preciso, segundo relatos de moradores, uns bons anos para construir essa ponte. Aliás, o povo conta que há alguns anos a promessa da ponte até chegou a virar realidade, pois levaram as vigas para construí-la. E ai, o gato comeu.

Após todo esse sofrimento a obra foi feita. Pelas redes sociais, vê-se relatos de pessoas idosas que chegaram a dizer que nunca imaginavam que a ponte seria construída.

E eles chegam a dizer. “Tive que vim para ver, porque não acreditava que ela seria construída”.

Fizeram a ponte e agora vão fazer o asfalto nos dois morros de acesso.

Sim, parece inacreditável, mas foi preciso décadas de sofrimento para ver essa ponte construída.

A política é assim. A cada mandato a cidade fica um pouco melhor. Um constrói a ponte, o outro faz uma praça, o outro coloca uma torre e assim, de grão em grão a vida de quem sofre melhora. Demora, mas melhora.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui